quinta-feira, 14 de maio de 2009

Desconstrução do Espaço

Essa semana recebi um email com imagens lindíssimas, dessas fotos que nos fazem perder o fôlego e que captam momentos únicos de animais, paisagens congeladas, pessoas etc.
E fiquei admirada com essa aí do lado. Uma árvore que recebeu uma "capa" de tricô. Na verdade isso pode ser chamado de Instalação.
A instalação é um fazer artístico dos mais relevantes nas artes no século XX e início do XXI.
O conceito e a intenção do artista ao conceber e formular seu trabalho é em grande parte a essência da própria obra, na medida em que a instalação surge no contexto da Arte Conceitual - onde predomina a valorização da ideia sobre o objeto artístico.
A instalação é muito interessante porque permite uma gama variada de suportes e possibilidades - como a que aparece nessa foto. Essa abertura que a instalação possibilita, faz com que ela se coloque de forma totalmente à vontade na produção artística contemporânea, uma vez que a Arte Contemporânea tem como maior característica o questionamento do próprio espaço e do tempo.
A obra contemporânea é volátil, constrói e absrove o espaço ao seu redor. Porém, ao mesmo tempo, desconstrói. A desconstrução de espaços, de conceitos e idéias está dentro da produção artística onde a instalação se apropria para se afirmar enquanto obra.
Veja o exemplo dessa imagem: o artista se apropriou de uma árvore e a desconstruiu enquanto tronco. Quando ele insere o tricô ao redor de todos os galhos ele muda o espaço ao redor e cria um novo objeto, mas ao memso tempo esse objeto não deixa de ser uma árvore.
Essa relação da instalação com o espaço ao redor acaba por criar uma participação ativa à obra, fazendo com que a árvore envolta em tricô se mostre de forma plena e arrebatadora - o que em muitos casos pode até mesmo tornar essa experiência incômoda.
Eu googlei para descobrir se essa intervenção foi mesmo de algum artista mas não achei nada, nem fotos. Dei uma geral na enciclopédia do Itaú Cultural e nada também. Se alguém souber de alguma info, me avise!




Texto: Cíntia Sibucs
Pesquisa: Mac na Web, Itaú Cultural.

2 CLIQUE AQUI E COMENTE!:

Cessel disse...

Essa intervenção é linda demais, gosto muito desse tipo de coisa. Queria ver essa árvore pessoalmente.

Giovana Damaceno disse...

Gente! Que árvore linda! Já pensou se fossem de verdade?

ShareThis